Back to Blog

Apostas esportivas: tudo que você precisa saber para sua empresa operar no Brasil

Redação Caf

1. Apostas esportivas no Brasil

2. Como é o cenário regulatório?

3. Por que os operadores de apostas esportivas devem verificar a identidade do usuário?

4. Que tipos de fraudes existem no setor de apostas esportivas no Brasil?

5. Quais são as principais considerações para as operadoras de apostas esportivas no Brasil?

6. Como equilibrar identidade, prevenção de fraudes e experiência do cliente?

7. Por que trabalhar com a Caf?

Apostas esportivas no Brasil

O mercado de sports betting (apostas esportivas) no Brasil já está entre os cinco principais mercados do mundo, com quase R$ 4 bilhões em receita em 2022, e deve triplicar até 2026. Uma grande população com um mercado considerável para atender, torna as apostas esportivas uma indústria em crescimento no Brasil. Esse crescimento, em grande parte, pode ser atribuído ao amor dos brasileiros pelo esporte, principalmente o futebol, e por extensão as apostas a ele associadas. A maioria dos times de futebol do país são patrocinados por empresas que estão de alguma forma ligadas às apostas. 

Os cassinos e as apostas são os principais impulsionadores do crescimento da indústria no país, embora existam inúmeras outras avenidas, como pôquer, bingo, jogo de bicho e loterias disponíveis para os usuários. A presença de vários operadores a tentar conquistar quota de mercado através de inúmeros incentivos aos consumidores está a alimentar o crescimento deste mercado lucrativo. O mesmo pode se dizer em relação à disseminação de smartphones e da conectividade com a Internet, que facilitam a participação dos jogadores em apostas esportivas online.

Atualmente, devido a restrições legais, muitos operadores de apostas esportivas que oferecem seus serviços no país têm sede no exterior. Mas o mercado no Brasil agora passa por uma grande mudança, pois o governo propôs regulamentações para fornecer às operadoras um ambiente propício para estabelecer sua presença no país.

Com a entrada em vigor das regulamentações propostas, muitas operadoras buscam expandir suas operações no país, alimentando ainda mais o crescimento do setor. Confira aqui o essencial que você precisa saber para sua empresa obter sucesso no aquecido mercado de apostas esportivas no Brasil.

Como é o cenário regulatório?

Embora as apostas esportivas tenham sido legalizadas no Brasil em 2018, ainda aguardam por regulamentação e, por isso, não se pode dizer que foram liberadas. Sendo assim, as apostas esportivas são proibidas no país com a loteria sendo monopólio do governo. Apesar dessas barreiras legislativas, o desenvolvimento do setor de apostas esportivas teve um crescimento maciço.

O governo agora procura regular o mercado de apostas esportivas com o objetivo de mantê-lo dentro de suas próprias fronteiras e gerar benefícios financeiros para a economia do país. Atualmente, as operadoras de apostas esportivas no Brasil instalaram suas sedes e servidores no exterior, o que desvia potenciais receitas para o exterior.

Outra razão pela qual o governo quer regular o mercado de apostas esportivas no país é resguardar os interesses de seus cidadãos, os jogadores. Os regulamentos obrigarão os operadores a demonstrar presença local e viabilidade econômica; e visam torná-los mais conscientes da necessidade de estimular as apostas esportivas de modo responsável aos jogadores. As operadoras precisarão estabelecer processos para verificar seus consumidores e verificar se são maiores de 18 anos. Isso resultaria em um ambiente de apostas esportivas online mais seguro para os consumidores, pois os serviços serão regulamentados e mais controlados.

Confira também: Regulamentação do mercado de apostas online: saiba a importância e como preparar sua empresa

Por que os operadores de apostas esportivas devem verificar a identidade do usuário?

Imagem ilustrativa de smartphone em que usuário realiza procedimento de reconhecimento facial para acessar site de apostas esportivas

As operadoras que buscam estabelecer sua presença no mercado brasileiro de apostas esportivas serão obrigadas a verificar a identidade dos jogadores que tentarem acessar suas plataformas. Isso está de acordo com os regulamentos futuros que esperam que as operadoras garantam apostas esportivas responsáveis ​​no país e forneçam um ambiente online seguro aos consumidores.

Como resultado, os operadores precisarão verificar a identidade e a idade de cada jogador em potencial para garantir que eles tenham mais de 18 anos. A verificação da identidade dos jogadores que acessam suas plataformas também é necessária para que as operadoras no Brasil evitem fraudes, que é um desafio crescente no país.

O mercado de apostas esportivas no Brasil está fervilhando e possui um enorme potencial de geração de receita, o que o torna um alvo atraente para os fraudadores.

As atividades fraudulentas não apenas atrapalham a experiência do usuário, mas os usuários podem perder a confiança na plataforma e, nos piores casos, optar por migrar para os concorrentes, causando prejuízos financeiros e de reputação à operadora.

Quando os operadores conseguem autenticar com precisão as identidades dos usuários, eles estão melhor posicionados para aumentar a segurança de seus usuários, evitando essas atividades fraudulentas. Eles também podem permanecer em compliance com os regulamentos e evitar penalidades severas e multas pesadas.

Que tipos de fraudes existem no setor de apostas esportivas no Brasil?

Dado o crescimento exponencial e o aumento do interesse no setor de apostas esportivas no Brasil, é um foco de fraude, sendo os tipos de ataque mais populares o abuso de bônus, o controle de contas e saques fraudulentos.

Os tipos de ataque mais comuns incluem:

  • Registro de nova conta falsa: aproveitando os dados vazados por meio de incidentes de violação de dados e usando bots, os fraudadores podem juntar identidades sintéticas para criar novas contas falsas – às vezes até centenas e milhares de contas – para coletar bônus, enganar outros usuários ou distorcer os resultados em seu favor.
  • Controle de conta: use combinações de nome de usuário e senha roubadas para invadir contas de jogadores genuínos com ativos para revendê-los a terceiros ou usar as contas comprometidas para vários tipos de crimes, incluindo lavagem de dinheiro, “Money Mule” (mula de dinheiro) e campanhas de phishing, entre outros. Contas mais antigas são de particular interesse, pois podem obter maiores retornos e ajudar a evitar a detecção.
  • Saques fraudulentos: transfira ou retire fundos de uma conta sem o consentimento do usuário.

Algumas das outras maneiras pelas quais os fraudadores usam contas falsas e comprometidas para explorar plataformas de apostas esportivas são descritas abaixo:

Fraude de idade: usuários menores de idade falsificam documentos de identidade e usam detalhes falsos para abrir contas de apostas esportivas.

Conluio: envolvimento em apostas esportivas enganosas para enganar usuários genuínos, perdendo deliberadamente ou distorcendo os resultados a seu favor.

Lavagem de dinheiro: lavagem de dinheiro ilícito encaminhando-o através de várias contas de apostas esportivas online, expondo os usuários a ameaças legais.

Estorno e fraude de cartão de crédito: recarregamento de saldos de contas de apostas esportivas ou realização de microtransações usando detalhes de cartão de crédito roubados. Ao finalizar a recarga, há o registro de um estorno junto ao banco ou administradora do cartão de crédito, causando prejuízos financeiros à operadora.

Fraude amigável: contestação da ordem de compra de apostas esportivas fingindo não ter feito as apostas para evitar perdas. 

O setor de apostas esportivas no Brasil é vibrante e movimentado. No entanto, a participação de novos usuários e operadores devido à abertura do mercado, o tornará ainda mais propenso a fraudes.

Quais são as principais considerações para as operadoras de apostas esportivas no Brasil?

As operadoras de olho em uma fatia do mercado de apostas esportivas no Brasil precisam considerar que existem certos requisitos que desempenharão um papel fundamental em seus esforços para se obter sucesso no país. Alguns dos principais requisitos nos quais os potenciais operadores de apostas esportivas devem se concentrar estão descritos abaixo:

Um mercado competitivo de apostas esportivas: operadoras que buscam expansão no Brasil devem saber que se trata de um mercado altamente competitivo. As operadoras oferecem vários incentivos para atrair jogadores para suas plataformas. Para ter sucesso, as operadoras precisarão conceber e implementar estratégias que possam diferenciá-las das demais e ajudar a obter uma vantagem competitiva.

Aquisição de jogadores e experiência de integração: desnecessário dizer que os operadores devem atrair jogadores para fazer o negócio funcionar. A principal consideração para os operadores aqui será a experiência do cliente, desde o momento em que os jogadores acessarem seu site. Os novos jogadores esperam uma integração instantânea e simples - desde a inscrição até o depósito e a primeira aposta. Fricções desnecessárias ou longos procedimentos de Know Your Customer (KYC) podem frustrar os jogadores e levá-los a fazer suas apostas com outros operadores. Um KYC ruim também pode aumentar a carga de trabalho de revisões manuais para as equipes de segurança dos operadores. Um processo simplificado de aquisição e integração de consumidores pode ser um divisor de águas para os operadores de apostas esportivas que desejam estabelecer seus negócios no Brasil.

Regulamentações iminentes: o governo no Brasil está pronto para regular o mercado de apostas esportivas no país. Os regulamentos propostos obrigam os operadores a promover apostas desportivas responsáveis, não devendo ser permitido aos utilizadores com menos de 18 anos o acesso às suas plataformas. Espera-se que os operadores verifiquem o CPF único – número de identidade brasileiro – para cada usuário e todas as apostas associadas ao usuário. Os operadores também precisarão garantir que os usuários que se registram em suas plataformas não sejam expostos politicamente ou façam parte de qualquer lista restrita, ou usem suas contas para atividades criminosas, como lavagem de dinheiro. Os operadores de apostas esportivas precisarão, portanto, verificar com precisão os usuários para garantir a conformidade regulatória e evitar multas.

Fraude crescente: a fraude é um desafio crescente no mercado de apostas esportivas no Brasil, causando prejuízos financeiros e de reputação às operadoras e ameaçando a segurança online dos consumidores. As operadoras devem estar cientes de que, além de uma experiência perfeita, os consumidores esperam que as operadoras garantam sua segurança online. Os operadores precisarão deter as atividades de fraude comuns, a saber: multiplicidade de contas que resulta em abuso de bônus, ataques que levam à violação de contas do consumidor e saques fraudulentos que não apenas causam perda de receita, mas também aumentam a carga de revisões manuais.

Autoexclusão e proteção do jogador: as operadoras também precisarão impedir que indivíduos autoexcluídos – buscando abstenção voluntária – participem de apostas esportivas em suas plataformas. Às vezes, esses indivíduos podem criar novas contas para recuperar o acesso ou abuso. Os operadores devem identificar esses indivíduos para garantir a autoexclusão.

Como equilibrar identidade, prevenção de fraudes e experiência do cliente?

Para ter sucesso em um mercado de apostas esportivas em constante crescimento, as operadoras no Brasil precisarão encontrar um equilíbrio delicado entre integração perfeita, ótima experiência do usuário, prevenção de fraudes e conformidade regulatória. Embora isso possa ser equivalente a andar na corda bamba, isso ganhará a confiança dos usuários e dos reguladores e permitirá que eles tenham uma fatia significativa desse mercado altamente competitivo.

Os operadores que desejam estabelecer sua presença ou tentar expandir seus negócios no Brasil devem iniciar seus preparativos para KYC, verificação de idade, prevenção de fraudes, verificações contra lavagem de dinheiro e proteção de players existentes e novos o mais cedo possível. Eles devem considerar trabalhar com um fornecedor que tenha experiência e conhecimento adequados em verificação de usuários no Brasil – para começar a trabalhar assim que os regulamentos propostos entrarem em vigor.

Por que trabalhar com a Caf?

A Caf é uma empresa de identidade digital que entende o setor de apostas esportivas brasileiro, de dentro para fora. Com a experiência e o conhecimento necessários para verificar e autenticar usuários com mais precisão e menos atrito, a Caf oferece soluções sob medida para atender aos requisitos exclusivos das operadoras de apostas esportivas, ao mesmo tempo em que oferece uma experiência de usuário superior, maior taxa de integração, prevenção eficaz de fraudes e em observância às regulamentações.

Marcas globais usam a tecnologia líder de mercado da Caf para integrar milhões de consumidores todos os anos e expandir seus negócios com confiança. Removemos as complexidades do processo de integração para cadastros mais rápidos e precisos. Com verificação aprimorada do usuário em tempo real, as operadoras podem reduzir falsos positivos e oferecer uma ótima experiência de apostas esportivas para seus jogadores.

No centro da plataforma Caf estão modelos avançados de aprendizado de máquina de visão computacional, um mecanismo de decisões com inteligência artificial e orquestração de identidade sofisticada que ajuda a fornecer soluções automatizadas de integração de usuários, KYC, prevenção de fraudes, autenticação e verificação de documentos. A plataforma combina regras de negócios, fluxos de trabalho, integrações de dados e muito mais em um painel fácil de usar para otimizar as jornadas do cliente por meio da experiência do jogador. A Caf também pode habilitar a reautenticação biométrica para validar os usuários com confiança no momento de retiradas e pagamentos para ajudar a interromper tentativas de aquisição de contas e jogadores excluídos. Nossa tecnologia biométrica é certificada pelo iBeta e nossa verificação de documentos pode validar a autenticidade de mais de 3.500 documentos brasileiros.

Combinando essa tecnologia de ponta com dados e biometria, as operadoras podem criar e implantar rapidamente vários fluxos de trabalho de autenticação de identidade para ajudar a identificar com precisão os jogadores, cumprir a regulamentação e reduzir o risco de fraude.

Para saber como as soluções de ponta a ponta da Caf podem ajudá-lo a expandir seus negócios de apostas esportivas no contexto das novas regulamentações no Brasil, clique na imagem abaixo para marcar uma demonstração e falar com um especialista da Caf.

Mais artigos

Lavagem de dinheiro com apostas esportivas: como evitar?

A ausência de regulamentação do mercado de apostas esportivas contribui para que os sites entrem na mira dos fraudadores.

Read Story

Documentoscopia: tudo sobre o processo de perícia documental

Documentoscopia ajuda a comprovar a autenticidade ou falsidade de documentos de identificação como o RG.

Read Story

Os 5 fatores observados na busca pelo melhor site de apostas

Saiba o que é importante para o usuário e não fique para trás na disputa por uma fatia do mercado nacional de apostas esportivas.

Read Story

Não perca uma postagem.

Se inscreva em nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo assim que publicado.
Não iremos compartilhar seu email com terceiros.